quarta-feira, outubro 29, 2008

como em qualquer parte deste nosso mundo, a visão do expatriado tem um sabor diferente, embora muitas vezes ela só é bem vista pelos nacionais quando é positiva!
em Angola, infelizmente o pula só é um gaijo porreiro quando fala as coisas que todos querem ouvir, pois é um dos factores sine qua para que o dito expatriado seja aceite por “nós”.

em cidades cosmopolitas como Londres, Nova York (não conheço) ou Barcelona, em que na primeira esquina esbarramos com um expatriado, o que seria delas se eles não existissem?

Angola, felizmente para uns e infelizmente para outros esta caminhando para ai em passos super largos, e de alguma maneira temos todos que admitir que Luanda também é isso.

2 comentários:

Afonso Loureiro disse...

Não são só os nacionais que aprendem coisas novas com os expatriados. O contrário também acontece e ainda bem!

Zé Kahango disse...

Saudações de um blogueiro amigo de Angola, que também gosta de compreender as visões diferentes...