segunda-feira, dezembro 01, 2008

Gabriel Tchiema

é a primeira vez que escrevo um post sobre a banda sonora que se escuta aqui no Attelier, mas tinha de ser.
o Gabriel é natural do leste de Angola mais concretamente da cidade do Saurimo, Província da Lunda-Sul. talvez por ser conterrâneo dos meus pais, a sua voz sempre se fez presente lá em casa, ainda hoje, me lembro de ver o velho sentado em pernas cruzadas escutando Twkale aos finais das tardes de sábado.

dez anos depois Azwlula (quer dizer Abre em kioko) chegou ao mercado, um álbum tchienda/pop cantado em kioko e com arranjos de viola acústica e piano clássico!
linda capa e com tiques da terra, as mascaras, os palhaços e até a fonte da letra vieram do leste.

nos agradecimentos, gostei muito do último paragrafo:
...
A você anónimo que de forma tão discreta e incentivadora apoiou-me, que Deus seja grandioso em sua vida.
...Nguna sakwila!

assim, escolhi este álbum como pano de fundo para estas últimas 4 semanas do ano e quem sabe desta forma consiga dizer ao meu querido Attelier dos Mangueirinhas que a sua prenda de natal chama-se Gabriel Tchiema.

Ouvir Gabriel Tchiema e sua viola é chegar às chanas do leste.
Colher mel das flores do campo e provar a verdadeira riqueza dum solo cravejo de diamantes.
Amélia da Lomba

Azwlula pito
Lya kw mbwnge ye
Azwlula wyve kwita tchiami
Tchize tangwa nakwningikine
Ami twlo tchishi kwamona nawa
Mivwmbo yé nashishile
Tchisi kwivwlama
Kanwa lye lykwete vulama
Lia ngu vulumissa ywma yessue

Azwlula azwlula pito
Azwlula
Lia kw mbwnge yé
Azwlula azwlula pito azwlula
Ngwetchie ngwn ndjile

Kwmanhionga jiami yena há yena
Kw ylota yami yena
Tchipwe há kwlia mbwnge kwli yena
Tchipwe nhi massepa jiami ngwli
Mbwnge kwli yena
Kw ngombo ngwna kaia
Ya ngw tahila ngwo
Ngwo kwzanga hi ykola ko
Ngwo nhi the ngwna zange
Kwtuama kanawa
Ngwo ytwmbo yami yena

Azwlula azwlula pito
Lia kw mbwnge yé
Azwlula azwlula pito azwlula
Ngwetchie ngwn ndjile
Gabriel Tchiema 

8 comentários:

jamal l. neto disse...

Parabéns pelo blog.
Você está mandando muito bem.

Anónimo disse...

Você consegue fazer a tradução da letra?

PS

Anónimo disse...

Gostei do som.
Lis

Maria Liberdade disse...

meu primo, estou aqui a chorar a ouvir esta musica n teu imeen......... mto orgulho em ser oriunda do Leste de Angolaaaa.

Obrigado.

Obs: ja te mandei o e-mail, nem me respondes

Denudado disse...

Excelente música, Ngoi. Ela mostra, a quem tem ouvidos para ouvir, que a cultura tchokwe também sabe ser cosmopolita, aberta ao mundo e às suas múltiplas expressões culturais, sem ter necessidade de se descaracterizar. Com marimbas ou com piano, ela é parte integrante do mundo de hoje, como expressão genuína do sentir de um povo que está vivo.

Carlos disse...

Ouvi com bastante agrado.

Peguei na rede... disse...

Gostei por demais.
Sil

Anónimo disse...

tradução please